Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mulher, Filha & Mãe.

Sensibilizar (para) e apoiar (na) ansiedade e depressão na gravidez e no pós-parto

Mulher, Filha & Mãe.

Sensibilizar (para) e apoiar (na) ansiedade e depressão na gravidez e no pós-parto

Era uma vez...

...Uma miúda muita gira e com um quê de alguma rebeldia.

 

IMG_0007.jpg

 

[Sim, estamos a falar desta miúda]

 

 

Ela adorava dançar, mas era trapalhona.

Adorava conversar, mas era tímida.

Adorava estudar, mas faltava-lhe alguma concentração.

Adorava escrever, mas faltava-lhe alguma organização.

 

Cresceu, e um dia fez um blog.

 

Mais tarde fizeram-na voltar aos seus primeiros tempos [onde tinha sido MUITO feliz] e ela lembrou-se com com grande nostalgia e encanto que:

 

#1 - UM FILME DA SUA INFÂNCIA foi sem dúvida este [Sempre adorou a sua mensagem, humor e emoção]: 

 

O-Rei-Leão.jpg...

 #2 - UMA SÉRIE DA SUA INFÂNCIA foi definitivamente esta [Uma trapalhonazita a ver vários trapalhões só pode dar em vários momentos de pura identificação]:

 

07120-20flintstones.jpg

 

#3 - UMA MÚSICA DA SUA INFÂNCIA foi esta [que dançava e dançava e dançava e pulava e dançava e cantava]: 

 

 

 #4 -  UMA BRINCADEIRA DA SUA INFÂNCIA [para além do famoso bate pé] foi, com grande afinco, o futebol humano.

 

#5 - UM AMIGO DA SUA INFÂNCIA foi a Sara, com quem já não mantém contacto [A Prova viva de que as pessoas mudam e a vida dá muitas voltas].

 

#6 - UM MOMENTO DA SUA INFÂNCIA bastante marcante situou-se algures na fase em que começou a aprender a tabuada e que a tentava ensinar repetidamente à sua irmã [que na altura tinha 3 anos...]. Marcante porquê? Simples! Porque para além de lhe fazer bastante confusão como é que alguém não aprendia rapidamente que 2 x 2 = 4, ficava muito irritada e ainda ia fazer "queixinhas" à sua mãe: "Mãe, como é que alguém é capaz de ser tão lenta??".[Confesso que a compincha da minha irmã, sofreu um pouco nas minhas mãos...]

No fundo, todas as brincadeiras e interações com a sua irmã, marcaram-na imenso! Foi tudo ótimo, saudável, natural, intenso e muito, mas mesmo muito, positivo.

 

IMG_0008 (2).jpg

 

[Adoro esta miúda!] 

 

 

 #7 - UM SONHO DA SUA INFÂNCIA era o de ser grande para poder levar todas as semanas o açúcar à sua avó que tinha muitas dificuldades em andar e que ela... sempre amou. [Dizia-lhe isto quase todos os dias e assim, sacava-lhe de imediato um grande sorriso! Sempre fui muito perspicaz..]

 

 

E assim sendo, no final desta grande revisão de memórias e momentos passados, gostava de nomear uma mulher que já me demonstrou algumas vezes que também gosta de se lembrar da sua infância. Penso que irá gostar de responder a este desafio e voar para outros momentos da sua vida: Cantinho da Casa.

 

 

Obrigado Diariodeumpaibabado, Soumaiseu, Niki e Fatia Mor. Tinham toda a razão: Adorei reviver estes momentos! ;)

 

13 comentários

Comentar post